Notícia

07 de Maio de 2018
Mossoroenses devem gastar cerca de R$ 109 com presentes do Dia das Mães em 2018

Para aferir a intenção de compras para o próximo dia 13 de maio, quando se comemora o Dia das Mães (segunda melhor data do comércio no ano), o Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento do Comércio (IPDC) da Fecomércio RN fez uma pesquisa nas cidades de Natal e Mossoró. Os questionários foram respondidos por 665 pessoas, entre os dias 14 e 17 de abril em Natal, e por 540 pessoas entre os dias 11 e 13 de abril em Mossoró.

Nas duas cidades, mais de 70% dos consumidores pretendem presentear neste Dia das Mães – 75,9% em Natal e 74,6% em Mossoró. Com relação à mesma pesquisa realizada em 2017, o número de consumidores que pretendem adquirir algum produto para presentear aumentou em 1,2 pontos percentuais na capital, e 2,8 pontos percentuais na terra de Santa Luzia.

Por outro lado, 24,1% dos consumidores de Natal e 25,2% dos consumidores de Mossoró confirmaram que não irão comprar presentes, tendo como as duas principais justificativas: não terem quem presentear (43,7% em Natal e 35,1% em Mossoró); e falta de dinheiro (31% em Natal e 33,6% em Mossoró).

Entre os que irão presentear, o gasto médio será de R$ 121,84 em Natal (contra R$ 115,68 em 2017 – crescimento de 5,3%); e de R$ 109,53 em Mossoró (contra R$ 106,02 em 2017 – crescimento de 3,3%). A maioria dos entrevistados – 56,5% de Natal e 68,2% de Mossoró – pretendem gastar até R$ 100 com os produtos. As roupas são os itens que devem liderar as escolhas este ano, já que foi a resposta de 34,5% dos consumidores de Natal, e 35,9% dos consumidores de Mossoró.

Outros itens lembrados como opções de presente foram perfumes/cosméticos (25,3% em Natal; 21% em Mossoró); eletrodomésticos (12,7% em Natal; 14,2% em Mossoró); e calçados/bolsas (8,5% em Natal; 10,7% em Mossoró). Perguntadas sobre o que gostariam de ganhar se pudessem escolher, as presenteadas que responderam à pesquisa, disseram que optariam por roupas (23,2% em Natal; 26% em Mossoró); perfumes/cosméticos (16,7% em Natal; 15,5% em Mossoró); e calçados/bolsas (15,3% em Natal; 14,5% em Mossoró).

A intenção da maioria dos entrevistados (73,6% dos de Natal; e 65,4% dos de Mossoró) é comprar um único presente, para as Mães (90,1% – Natal; 89,3% – Mossoró); como também as sogras (12,3% – Natal; 15,4% – Mossoró); as esposas (14,3% – Natal; 13,8% – Mossoró); as avós (5,7% – Natal; 7,2% – Mossoró); as irmãs (2% – Natal; 2,5% – Mossoró); e as filhas (1,8% – Natal; 1,9% – Mossoró).

Mas engana-se quem pensa que o presente será comprado sem pesquisa prévia. 69,9% dos consumidores de Natal e 68,5% dos consumidores de Mossoró, na tentativa de economizar, vão fazer pesquisa de preços. Para atrair a clientela e garantir a venda, os lojistas devem apostar principalmente em promoções (45,6% – Natal; e 34,8% – Mossoró); descontos (27,8% – Natal; e 29,4% – Mossoró); e qualidade no atendimento (23,5% – Natal; 34,6% – Mossoró).

Com relação ao local preferido para as compras, os mossoroenses preferem o comércio de rua (59,7%) para efetuar as compras. O índice é 6,2 pontos percentuais menor do que o do ano passado, quando 65,9% dos entrevistados responderam à pesquisa dizendo preferir o comércio de rua.

A forma de pagamento mais usada nas duas cidades deverá ser o dinheiro, com 59,5% das respostas dos natalenses, e 56,9% das respostas dos mossoroenses. A segunda opção deverá ser o cartão de crédito na modalidade parcelada, com 30,2% das respostas em Natal e 34,6% das respostas em Mossoró.

 

Com informações da Fecomércio RN


Autor: Assessoria de Imprensa


WhatsApp

Outras Notícias